Matsyasana – Posição do peixe

Matsyasana - Matsyasana – Posição do peixe


Dica

Concentre-se na parte posterior do corpo. Desenvolva a sensibilidade na pele das costas; sinta a pele engelhar na retroflexão.

O Matsyasana alonga intensamente o pescoço. É excelente a seguir ao Sarvangasana e ao Halasana, porque o pescoço está extraordinariamente flexível.

[separator color=” thickness=” up=” down=”]

[dropcaps style=’bold’]1[/dropcaps]

A Deite-se de costas e ponha as mãos, com as palmas viradas para baixo, sob as nádegas. Estique o mais possível as pontas dos dedos na direção dos póplites.

[separator color=” thickness=” up=” down=”]

[dropcaps style=’bold’]2[/dropcaps]

posicao de peixe1

Inspire e, apoiando-se nos cotovelos, empurre o tórax para cima. Aproxime as omoplatas uma da outra, expire e pouse suavemente o crânio no chão. Expanda o tórax e inspire para dentro profundamente. No Matsyasana o crânio só suporta 10% do peso do corpo. O restante peso é distribuído pelos cotovelos e pela parte inferior do corpo. Permaneça assim cinco a dez respirações.

[separator color=” thickness=” up=” down=”]

[dropcaps style=’bold’]3[/dropcaps]

posicao de peixe2

Para desfazer a posição, inspire profundamente enquanto transfere o peso para os cotovelos; erga a cabeça. Aproxime o queixo do tórax à medida que se deita de costas. Relaxe o pescoço, girando suavemente a cabeça para ambos os lados e levando as orelhas até ao chão..